O aplicativo que transforma lixo em desenvolvimento econômico

Em 2015, o Brasil produziu 79,9 milhões de toneladas de lixo, de acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe). Muitas vezes, não damos muita atenção para como todo esse lixo é descartado. Para mudar isso e levar mais desenvolvimento a comunidades carentes, a empreendedora Claudia Pires fundou a So+ma. Criado como uma consultoria de desenvolvimento sustentável, logo o empreendimento se transformou em um programa de fidelidade para desenvolver comunidades de baixa renda.


A mecânica do programa é bem simples: os moradores levam seus resíduos até a Casa So+ma, que encaminha tudo para usinas de reciclagem. Esses resíduos viram pontos, que os moradores podem acompanhar por um aplicativo, e depois podem trocar por benefícios. Entre as recompensas estão alimentação básica, cursos e workshops. “A gente sempre tenta pensar em opções que tragam renda para as pessoas, e que atinjam diferentes públicos”, explica Claudia.


O programa já funciona nas regiões do Grajaú e Capão Redondo, em São Paulo. Mas a ideia de Claudia e do seu sócio, Clovis Santana, é aumentar a abrangência do projeto. Uma casa em Curitiba já está nos planos da dupla para 2018, bem como em comunidades de outras cidades do país.

“Somos o primeiro programa de fidelidade que não é baseado no poder de compra. O que nos move é a potência das pessoas”, comenta a empreendedora.

O objetivo da So+ma nas comunidades é muito claro. Todo mundo sai ganhando: os moradores, que podem usar o lixo como uma moeda de troca e melhorar suas condições de vida; os negócios locais, que participam das trocas; as usinas de reciclagem, que recebem os resíduos; e, claro, o meio ambiente, já que o lixo é descartado de forma correta. Uma maneira simples, inovadora e eficiente de transformar comunidades.

Quero participar:

Para se cadastrar no programa e começar a acumular pontos, basta procurar a Casa So+ma mais próxima. Visite o site para acessar o regulamento completo do programa de vantagens, e os endereços dos pontos de troca. Você também pode colaborar com essa iniciativa como um voluntário ou parceiro. Basta entrar em contato com a So+Ma.

Por enquanto sua região não tem nenhum ponto de trocas? Existem outras maneiras de fazer a diferença na sua comunidade! O Brasil está cheio de projetos incríveis como o Instituto Doe Seu Lixo e a ONG Trevo, que estão sempre precisando de voluntários. Busque uma ONG próxima de você, e lembre que o que você faz em casa também tem um grande impacto no mundo: recicle seu lixo e incentive mais pessoas a fazerem o mesmo!